Sábado, 7 de Dezembro de 2019
 
 
 
    NOSSOS PRODUTOS
 
 
Especiarias
Urucum
 
 

A palavra urucum tem origem na linguagem Tupi-Guarani transliterado “uru-ku” e significa “vermelho”. Seu nome científico, “Bixa orellana L”, foi dado em homenagem a Francisco de Orellana (1490-1546), um membro da expedição de Francisco Pizarro e o primeiro explorador espanhol que navegou o rio Amazonas. Desde os tempos remotos, os indígenas empregavam a porção corante das sementes de urucum para tingir de vermelho seus artefatos de caça, pesca, vestimentas, enfeites de guerra e o próprio corpo.

Se tem como a primeira referencia do urucum, quando Pero Vaz de Caminha em carta enviada a Dom Manuel, referindo-se a descoberta do Brasil. Em um trecho fala que:

“...E segundo diziam esses que lá tinham ido, brincaram com eles. Neste dia os vimos mais de perto e mais à nossa vontade, por andarmos quase todos misturados: uns andavam quartejados daquelas tinturas, outros de metades, outros de tanta feição como em pano de ras, e todos com os beiços furados, muitos com os ossos neles, e bastantes sem ossos. Alguns traziam uns ouriços verdes, de árvores, que, na cor, queriam parecer de castanheiras, embora mais pequenos. E eram cheios duns grãos vermelhos pequenos, que, esmagando-os entre os dedos, faziam tintura muito vermelha, de que eles andavam tintos. E quanto mais se molhavam, tanto mais vermelhos ficavam”.
 
   
 
Os processos artesanais de obtenção dos corantes das sementes de urucum, aprendido com os índios, continuou por muito tempo. FREIRE, em sua publicação de 1936 (Ligeiras informações sobre a cultura e a indústria do urucu) cita a fabricação do que ele chama de “pães de urucu”, da seguinte forma: “As sementes colhidas logo são lançadas em uma gamela ou celha, escaldam-se com água a ferver; a massa é remexida freqüente vezes para separar o testa ceráceo das sementes. Depois de alguns dias é a massa passada por um crivo, para extremar a substância tintorial. Dá-se descanso ao líquido durante uma semana a fim de fermentar e poder depositar a matéria corante. Passado esse tempo retira-se a água clara. A matéria tintorial que assentou é depois distribuída em recipientes apropriados, para que a umidade excessiva se evapore à sombra. Quando a substância adquire a consistência da massa de vidraceiro, dá-se-lhe a forma de pães que se envolvem em folha de bananeira. É esse o pão de urucum que se exporta em grande quantidade do Brasil”

No Brasil, dentre os aditivos naturais, o urucum possui maior relevância econômicosocial, visto que de suas sementes podem ser extraídos corantes naturais de diversas tonalidades, desde o amarelo pálido até o vermelho tijolo. Além disso, a dispersão dos cultivos em quase todo o território nacional imprime à cultura uma boa perspectiva no mercado de corantes naturais.


A OFERTA AGROSPICE

A Agrospice fornece aos seus clientes urucum de excelente qualidade, nos padrões desejados, de acordo com a classificação abaixo:

Tipo 1 – Umidade maior que 10 %, teor de bixina acima de 2,5 %, impurezas menores que 5,0 % e ausência de matéria estranha;
Tipo 2 – Umidade de 10 % a 14 %, teor de bixina de 2 % a 2,5 %, impurezas menores que 5 % e presença de matéria estranha.
Tipo 3 – Umidade maior que 14 %, teor de bixina menor que 1,8 %, impurezas
maiores que 5 % e presença de matéria estranha. Este último tipo não tem especificação.


NO MERCADO INTERNACIONAL
No mercado internacional, estima-se que a produção mundial seja de 10 mil toneladas e que o comércio internacional represente 70% de toda a produção. Em nível mundial o Peru é o maior produtor (35%) seguidamente do Quênia, Brasil e Índia (QUAN, 2002). Nesse mercado Peru e Quênia são os maiores exportadores, enquanto Estados Unidos, Europa e Japão são os maiores consumidores do produto.

urucum, urucu, urucuzeiro, urucueiro, semente urucum, grãos de urucum, urucum seco, urucum em pó, Urucum, urucu, urucu tree, urucum, urucum seed, urucum seed, dried urucum, powdered urucum, rocou, le rocou, Urucuzeiro, le rocou, les graines de rocou, le haricot de rocou, le rocou sec, poudre de rocou, Annatto, Annatto, Urucuzeiro, Annatto, Annatto Samen, Annatto-Bohnen, trocken Annatto, Annatto-Pulver, annatto, annatto, Urucuzeiro, annatto, seme annatto, annatto fagiolo, annatto asciutto, annatto polvere, Urucu, urucu, urucu, semilla urucum, granos de urucum, urucum seco, urucum en polvo, アナトー、アナトー、Urucuzeiro、アナトー、アナトー種子、アナトー豆、ドライアナトー、アナトー粉末、 胭脂樹橙,胭脂樹橙,Urucuzeiro,胭脂樹紅,胭脂樹橙種子,胭脂樹豆,幹胭脂樹橙,胭脂樹粉末, annatto, annatto, Urucuzeiro, annatto, annatto irugbin, annatto ni ìrísí, gbẹ annatto, annatto lulú, Annatto, Annatto, Urucuzeiro, Annatto, Annatto saad, Annatto boontjie, droë Annatto, Annatto poeier, annatto, annatto, Urucuzeiro, annatto, annatto zaden, annatto boon, droge annatto, annatto poeder, באנאטו, באנאטו, Urucuzeiro, באנאטו, זרע באנאטו, שעועית באנאטו, באנאטו יבש, אבקת באנאטו, annatto، annatto، Urucuzeiro، annatto، وبذور annatto، annatto الفول، annatto الجاف، ومسحوق annatto،

 
 
 
 
 
HOME        EMPRESA        PRODUTOS        INFORMATIVO        ORÇAMENTO        LOCALIZAÇÃO        LINKS        ATENDIMENTO
 
 
 
 
  Copyright © 2019 . Todos os Direitos Reservados . AGROSPICE - COMÉRCIO E EXPORTAÇÃO LTDA.
Proibida cópia total ou parcial deste site sem expressa autorização.